terça-feira, 27 de setembro de 2016

Frases Célebres que ficaram na história

“… e saio da vida,para entrar na história.”


Getúlio Vargas,presidente brasileiro,24 de agosto, 1954,em sua carta de suicídio.Getúlio se matou com um tiro no peito no Palácio do Catete,que na época era sede da república,no Rio de Janeiro.O motivo do suicídio teria sido a pressão dos militares e da imprensa para que ele renunciasse,por suposto envolvimento no atentado contra Carlos Lacerda, jornalista e político que fazia oposição a Vargas.


“Apronte minha fantasia de cisne.”


Anna Pavlova,bailarina russa,23 de janeiro,1931.
Morreu de pneumonia,no auge de sua carreira,aos 49 anos.


“Deem-me café,eu quero escrever!”


Olavo Bilac,poeta brasileiro,20 de dezembro de 1918,para si mesmo.O poeta morreu de infecção no pulmão aos 53 anos.Conta-se que acordou da febre de madrugada e disse a frase antes de falecer.Isso é que é vocação!


“Tudo é uma ilusão.”


Mata Hari,dançarina exótica holandesa,agente dupla (ou não) durante a Primeira Guerra Mundial,15 de outubro de 1917,para seus executores.Foi executada na França acusada de espionagem para a Alemanha.Muitos dizem que ela também era espiã francesa.Mas ela negou tudo.Tudo é uma ilusão,enfim.


“Aplaudam,amigos,a comédia terminou.”


Ludwig van Beethoven,compositor alemão clássico,26 de março de 1827.A frase é tradicionalmente dita ao final de uma performance da commedia dell’arte (forma de teatro popular improvisado,típico da época).A morte de Beethoven é cercada de hipóteses e não se sabe ao certo o que o matou, quando tinha 57 anos.Outras palavras podem ter sido as últimas do compositor: “Eu ainda ouço no Céu” (Beethoven morreu surdo) e “Eu sinto como se não houvesse escrito mais que algumas notas musicais” (Beethoven deixou um legado de mais de 170 peças musicais).


(fonte:pensador.uol.com.br)


Fraternos Abraços

Nenhum comentário:

Postar um comentário